Feliz Noite das Maes!

Ha uns 30 minutos atras, tinha acabado de fazer minha licao de casa (porque nao tenho quase nada para fazer e dai voltei a estudar – ha ha ha), e quando penso que vou tomar um banho e sossegar a minha mente…minha filha vem me pedir para leva-la a farmacia! Tragedia; nao tem mais lencinho removedor de maquiagem em casa! Eu, preocupada com a pele da garota, que tem 16 anos, tem propensao a eczema e nao tem nocao; claro que vou com ela e compro o raio dos lencinhos, organicos, sem perfume, dobro do preco.

E assim chegamos aqui, as 10:30 da noite, no dia das maes, apos ter saido para a farmacia, de agasalho de veludo cor de vinho, Uggs bege e sem sutia rs…sim pessoal o drama e real! Bom, ao retornar muito feliz pois nao encontrei nenhum conhecido no meu percurso; decidi me dar o presente de sentar e escrever. Coisa que nao faco a 5 meses.

Feliz Noite das Maes! A voces que curtiram o Dia das Maes, a voces que ganharam presentes, a voces que nao foram lembradas pelos filhos ou pelo marido, a voces que sao pais que sao maes, a voces que sao maes trans, a voces que cuidam de uma vida, as que ganharam utensilios de cozinha (bem vindas, companheiras rs), as que ganharam aquela caixa de chocolates; quando todos da casa sabem que voce esta de dieta! Enfim, Feliz Noite das Maes! Pois e na hora em que os filhos vao dormir, que nos, maes, entramos no nosso proprio mundo: o mundo dos pensamentos escandalosos, das acoes pecaminosas de uma santa mae: pegar a barra de chocolate e sentar no sofa, assistindo seu sereado favorito (Parenthood, Netflix!). Assitir filmes adultos ao inves dos ‘family movies’ que voce ja nao aguenta mais.  Olhar o Facebook sem interrupcoes (para se deprimir com a vida perfeita no mundo azul! Ou para ouvir quantas ‘maes abencoadas’ existem nesse mundo e quanta ‘gratidao’ com o emoji da maozinha rezando sao distribuidos online, na esperanca que Deus seja um Facebook fan). E incrivel a forma como escolhemos usar o nosso tao sagrado tempo, depois que os filhos vao dormir!

Quando os filhos vao dormir, se voce tem uma parceira/o ele pode querer sua atencao, seu carinho, ou ‘otras cositas mas’. Voce pode estar no pique ou pode estar morta, se arrastando. Porem, hoje; hoje e Noite da Maes! Voce faz o que quer! (Amiga faz o que quer sempre, okay?). Pode estar afinzona de por aquela lingerie sexy, e dominar na cama! U-Huuu! Ou, pode simplesmente escolhar o velho sofa e o pacote de salgadinho, desligar em frente a televisao – entrar naquele mundo que nao te pertence mas que voce sonha com ele voce sonha rs (Grey’s Anatomy?!). Estou aqui pensando: o que voces estao fazendo agora?!

Nesses 18 anos sendo mae, eu quero hoje confessar uma coisa a voces: por ter passado tantos perrengues com filhos, desde de doencas, idas a emergencias, dramas, tristezas tao profundas, decepcoes e muitas alegrias, eu realmente quase deixei de acreditar nesse negocio de que a coisa mais linda desse mundo e ser mae. Sabe no que eu acredito? Que a coisa mais linda desse mundo e ser voce!

Ser mae me faz sentir muito completa, e ao mesmo tempo…

vazia…quando minha filha foi para a faculdade, em Santa Barbara CA (nos moramos no Vale do Silicio) eu achava que eu iria ficar de boa, afinal sou super forte, criei minha filha para o mundo! No primeiro dia que acordei, vi o quarto vazio, e que ela nao iria chegar as 14h30, muito menos a noite, ou no dia seguinte; foi como um soco no estomago, doia muito, eu chorava de solucar. Era um vazio indescritivel, nao importa que voce tenha mais filhos em casa morando com voce – pois cada um de seus filhos e unico!

Ser mae me faz tao feliz e tao…

triste…quando o medico te diz que teu filho tem uma condicao, uma doenca cronica, ou quando a tua filha sofre bullying na escola, quando o mundo e simplesmente cruel a uma crianca que saio de dentro de voce (ou nao!) – voce experiencia uma tristeza incomensuravel.

Ser mae me faz sentir invencivel e tao…

incapaz…quando a vida te mostra que a jornada nao e sua, mas de seu filho, que voce nao pode escolher por ele, voce nao pode trilhar por ele, voce tem que ser expectadora, passiva, doa o que te doer…

Ser mae, nesses 18 anos me ensinou que a vida vale a pena! Que milagres acontecem a todo momento! Que tudo passa! Que sofrimento se transforma em sabedoria, que filhos nao vem ao mundo com garantias, e que eles vem e vao, e vao e voltam! E que um dia, eles partirao como eu parti, e seguirao suas vidas, e se lembrarao da pessoa que eu fui para eles enquanto estavam ao alcance dos meus bracos: eu fui a primeira pessoa que os ensinou a amar, incondicionalmente.

A minha missao para com os meus filhos e ama-los, acima de qualquer situacao. O meu desafio;  amar-me, acima de qualquer situacao – eu errei, eu acertei, eu tentei!

Feliz Noite das Maes! Feliz voce, que se ama, se perdoa e segue em frente livre e libertando tambem, muitas outras de nos, mulheres  â¤

Cafe Positive Parenting! Onde brasileiras compartilham sabedoria, ajudando e acolhendo umas as outras. Obrigada a nossa psicologa Tamara Rosa, pelo otimo workshop!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Aline Calligares e Arthur! No inicio da jornada da maternidade e ja com muita informacao boa!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Proximo evento do Cafe com Abraco: Cafe Tell Me What You Want! Dia 19/Maio, as 2:30pm, em Palo Alto. Clica aqui e vem curtir nosso abraco!

Com carinho,

Adriana Veres

Mae de Julia, 18 anos, inteligente, decidida e que esta se aventurando no mundo ‘College’ e sente saudades de mim! Clara, 16 anos, que faz de conta que e so uma adolescente mas tem uma mente brilhante, e Mateus, 7 aninhos, quem hoje veio me mostrar como os adultos as vezes beijam na boca, quase me engolindo, assim do nada rs!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *